quinta-feira, 27 de janeiro de 2011

Statu quo

Na interação entre razão e emoção haverá sempre um nó a ser desatado no meio de uma linha tênue. Da mesma forma se dá com a Produção e a Direção.  Alguns nós são feitos e todos são desfeitos. Porque todo problema tem solução.

A interação de Joelma vai muito bem, obrigado! Vejam essas caras concentradas, trabalhando felizes e com foco na carreira.

Após base montada, dias se passaram e definimos as cidades nas quais filmaremos. Salvador, Simões Filho e Ipiaú. 

Um dos primeiros nós desatados foi não podermos filmar todas as sequências que se passam em Ipiaú, nesta cidade. Desta forma, o bairro de Mapele, em Simões Filho, se tornará Ipiaú, a cidade natal de Joelma, à qual retorna no final dos anos 80 buscando uma vida tranquila e reservada. Salvador é a cidade em que ela vai em busca do seu sonho. 

O elenco principal também está definido, já partimos para os ensaios e temos muitas informações sobre as personagens. Mas este é assunto da sua próxima visita à nossa base virtual. 

Agora vamos desatar outros nós. E com esta equipe (mesmo que incompleta na imagem), prevalece a certeza de que o tempo continua a nosso favor. Prova disso é que ainda sobra, até para tirar foto.

Na foto da esquerda para a direita: Renata Hasselman (Coordenação de Produção), Zezé Monteiro (Produção de Locação e Platô), Cristiane Santana (Produção Local em Ipiaú e Produção), Paula Damasceno (Produção de Arte e Objetos) e Dedeco Macedo (Assistente de Direção).


PS: Statu quo ou status quo. O google desata esse nó.

Nenhum comentário:

Postar um comentário