terça-feira, 30 de novembro de 2010

Pedindo Proteção


Joelma tem uma relação intensa com a fé. Devota contrita de Nossa Senhora, sempre vai à igreja fazer suas orações para agradecer por algo ou pedir proteção.


Sua casa é uma igreja. A igreja das treze almas benditas, sabidas e entendias. Nem sabia da sua existência. Segundo ela, foram treze freiras que desencarnaram e foram transformadas em espíritos de luz.

E como é de luz que se faz cinema, nada mais justo que fazer uma oração para agradecer pelo alcançado até o momento e pedir mais proteção. É sempre bem vinda.

Então vamos lá:
Oh, minha Nossa Senhora das películas, das fitas magnéticas e dos cartões de memória, fazei com que consigamos todos os apoiadores necessários, que toda a equipe técnica esteja em sincronia e abrace o projeto, que todos os atores estejam sempre dispostos para repetir a ação milhares de vezes, que não chova nos dias de filmagem, que não falte fita crepe, que nenhum equipamento quebre, que a iniciativa privada invista no projeto, que as prestações de contas sejam aprovadas, que o filme seja selecionado por diversos festivais e ganhe todos os prêmios, que ele tenha tempo de vida grande e visibilidade internacional. Eu te peço por todo sangue derramado por São Glauber Rocha. Amém!

Ah... e obrigado por tudo!

4 comentários:

  1. E que todo filme feito com tanto esmero seja recompensado com um resultado bacana. Amém, Edson!

    ResponderExcluir
  2. sabendo das coisas qque precisam e são exatamente do tamanho de um desejo, joelma não pode ser diferente. como diria bandeira, não conheço ela de todo, e mesmo assim mando um beijo para ela. e aproveitando, mando um do mesmo tamanho e intensidade para você.
    saudades...
    lacerda

    ResponderExcluir
  3. Aê Léo...

    E que continuemos filmando sempre!

    Precisamos.

    ResponderExcluir
  4. Oi Seu Lacerda!

    Você foi muito importante nesse processo de criação do roteiro. Referência. Tento seguir seus passos.

    Obrigado pelo carinho.

    ResponderExcluir